2 de abr de 2013

Lua de mel em Bali

Colaboradora: Ana Paula Pereira




A idéia de ir para Bali foi simplesmente pela sua beleza natural e ao mesmo tempo por ter hábitos e modo de vida que tenta se adaptar à modernidade e ao turismo. É uma terra adorada pelo mar, com montanhas vulcânicas, arrozais, bosques de palmeiras, bananeiras gigantes, aldeias e mercados tranquilos, baías e praias de areia branca. Com uma área de 5.620 quilômetros quadrados e uma população de 3 milhões de habitantes, Bali é uma menores ilhas entre as 13.600 que constituem o arquipélago da Indonésia.

- "A palavra Bali, com a qual a ilha foi batizada no século IX, deriva da palavra Wali. Wali ou Wari era o termo com o qual os nativos, que muito veneravam seus deuses, chamavam o ato de adoração. Wali é uma palavra do sânscrito que significa "sacrifício oferecido ao deus", "adoração", "culto" ou "oferenda" . - (fonte: Wikipedia)

Depois do casório fizemos as malas com pouquíssimas roupas e enfrentamos 15 horas de vôo. Na verdade são 12 horas e meia até Singapura, onde fizemos a conexão com pausa de 2 horas. Nem achamos ruim, porque o aeroporto de Singapura é belíssimo, bem decorado, com lojas maravilhosas, variedades de comidas e uma espécie de Spa e Internet grátis. Relax!!!
Embarcamos, e mais 2 horas e meia até Bali. Chegando no aeroporto você não pode esquecer de comprar o seu visto de permanência que custa US 25 por pessoa e tem validade de 30 dias. Nos hospedamos no Bali Hyatt Resourt Sanur (www.bali.resort.hyatt.com) que fica a 30 minutos do aeroporto, a 15 minutos de Denpasar (capital) e a 30 minutos de Kuta Beach.

Um pouco de história

Em 1904 os holandeses desembarcaram na ilha de Bali para submeter-la ao domínio colonial. A população hindu, orgulhosa de sua própria diversidade no arquipélago, se opôs a invasão holandesa. Após vários acontecimentos, os holandeses atacaram o palácio real de Denpasar. Vestidos de branco, o rei e sua côrte marcharam ao encontro dos holandeses. Quando estavam próximos aos invasores todos os homens que seguiam o rei pegaram suas espadas e enfiaram no próprio peito, cometendo um ritual suicida que em balinês é denominado "puputan". Quase mil homens ficaram caídos no local enquanto os invasores holandeses olhavam a cena atônitos. Este acontecimento foi traumático para a consciência do povo holandês e deu início às crises colonizadoras do país.

 
A viagem

No dia 26 de Abril em Bali é Ano Novo ou em Balinês: Nyepi Day! Pensamos que iríamos cair na folia, engano nosso. Para o povo e costume Balinês o Nyepi Day realmente é o dia que voce deve meditar. Nada funicona na cidade, porque ninguém pode trabalhar, a não ser os hotéis, de onde você não pode sair durante todo o dia, correndo o risco de pagar multa. Ninguém sai na rua e nem se fala alto. Um dia realmente de respeito aos Deuses e a natureza. E por ser nosso 1° dia, ate gostamos do silencio do Nyepi Day depois do casório.

Bem pertinho do Hotel (Sanur) encontramos o restaurante Casa Luna com um ótimo peixe na folha de bananeira acompanhado de arroz típico de Bali e diferentes tipos de molhos como: alho com manteiga, cebola com um óleo de azeite especial , tomate prensado no óleo e sal, e é claro muitas verduras. Para acompanhar este banquete uma cervejinha que se chama PINTAN.

Um outro Restaurante bem especial (mas vá preparado para gastar) é o Jukung Seafood. http://www.cafejukung.com/
Primeiro você escolhe o peixe, lagosta ou camarão VIVO e em seguida ele é levado para a grelha... uffa! Estava ótimo. As bebidas, na maioria dos restaurantes, são tabeladas.

Bem pertinho do hotel encontramos o restaurante The Village Cucina Italiana. Com um ambiente bem romântico, tem no cardápio uma maravilhosa porção de peixe e carnes com molhos delciosos e com a típica salada Gado Gado. Vale a pena!


 
Típica comida de Bali (biscoito de arroz colorido)

 
 
O restaurante "International Piccadilly" você encontra em qualquer lugar de Bali. É uma ótima pedida com pratos bem variados.


Passeios

A melhor opção, depois de algumas pesquisas, foi a Asian Trails( http://www.asiantrailsbali.com/). Fizemos uma passeio em Besakih até Kintamani que dura cerca de 6 horas com almoço incluído: USD 38,00 por pessoa. O restaurante não era uns dos melhores, mas a vista mágica para o Vulcão compensou!
 
Outro passeio que gostamos muito de fazer foi Bali Hai Cruises pela Sail Sensations Nusa
Lembongan Resort (http://www.nusalembonganresort.com/). O passeio começa às 9:00h e só acaba às 17.30h com muita diversão. Um pequeno café da manha no barco, passeio pela ilha, mergulho, banana boat e almoço com pratos diversos. A ilha é pequena mas aconchegante! Custo: USD 70 por pessoa.
E não perca a oportunidade de ir em um Spa. Nós fomos no Anika Spa (www.anikaspa.com/)
La encontrei uma lojinha muito boa para quem procura uma roupa chic e artesanal. Vale uma passadinha! Regina Tailor and Fashion Shop. Endereço: Jl Danau Tamblingan 198 Sanur
Bali T.

E quando precisar de táxi peça pelo Hotel e combine antes o preço com o taxista para não ter surpresas, ou exija que ele ligue o taxímetro, ás vezes vale mais a pena. Tente só utilizar os táxis da companhia Azul, que são registrados pelo Estado.
 
A moeda de Bali é muito desvalorizada em relação ao franco suiço ou ao real brasileiro. Por exemplo, 50.000 rupias equivale a Fr 5.- , ou seja, cerca de 9 reais. Eu me sentia sempre uma milionária!

Ande muito, descubra novos caminhos, ande pela cidade e não tenha medo!!! Os Balineses são ótimas companhias e adoram conversar!

Aqui umas palavrinhas comuns em Balinês:

Obrigada: Sukusuman
Bom Dia : Salamati Pagi
Boa tarde: Salamati Siang
Boa noite: Salamati Malam
Bem-vindo: Datang
Até mais: Salamtinga
Bom apetite: Salamti Makan
Eu estou com fome: Saja Lapar
Eu sou Brasileira : Saja Datan dari Brasil

Colaboração de Ana Paula Pereira,  Zurique - Suíça

Nenhum comentário:

Postar um comentário